21.4.08

"Para que escrevo", Clarice Lispector

vi no blog Pra Cortar o Vento :)

Clarice Lispector
"Eu escrevo como se fosse para salvar a vida de alguém.
Provavelmente minha própria vida."


(Clarice Lispector)



Gostou? Compartilhe:
TwitterStumbleupondel.icio.us

3 comentários:

Jaqueline Amorim disse...

Oi Nicholas, adorei esta frase da Clarisse. Ela é mesmo grande! Fique com Deus e bom restante de semana para você! :)

Jackie Götzen disse...

Amore! Como sabe minha mono é sobre nossa Diva!!! Então...cai aqui..no Google! Nada mais justo do que usar a frase!!!!

Canteiro Pessoal disse...

Um trecho belíssimo do livro Sopro de Vida. Aprecio: 'Tenho medo de escrever. É tão perigoso. Quem tentou, sabe. Perigo de mexer no que está oculto — e o mundo não está à tona, está oculto em suas raízes submersas em profundidades do mar. Para escrever tenho que me colocar no vazio. Neste vazio é que existo intuitivamente. Mas é um vazio terrivelmente perigoso: dele arranco sangue. Sou um escritor que tem medo da cilada das palavras: as palavras que digo
escondem outras — quais? talvez as diga. Escrever é uma pedra lançada
no poço fundo'.

Abraços,

Priscila Cáliga

Blog Widget by LinkWithin