18.7.08

Filme "Waking Life"

Disparadamente meu filme favorito =)


Sobre o Filme

Sem conseguir acordar de um sonho, um jovem encontra pessoas com quem têm longas conversas sobre os vários estados da consciência humana, discussões filosóficas e religiosas.

O diretor Richard Linklater rodou todo o filme com os atores, repassando-as depois para Bob Sabiston, que com sua equipe de 30 animadores recobriu cada cena (!!!) com desenhos e computação gráfica.

Essa técnica se chama Rotoscópio, e é usada em A Scanner Darkly, outro filme desse diretor.

Trailer do Filme


http://www.youtube.com/watch?v=-iDAaS3QiNk
 
Melhores Trechos

--------------------------------------------------

 Meu meio de transporte deve refletir a minha personalidade.
Voilà! Esta é a minha janela para o mundo.
A cada minuto, um novo espetáculo.
Posso não compreendê-Io ou concordar com ele...
mas eu o aceito e acompanho a maré.
Mantenha o equilíbrio.
É o que eu digo.
Siga com a corrente.
O mar jamais rejeita um rio.
A idéia é manter-se em um estado de partida, mesmo ao chegar.
Economiza-se em apresentações e em despedidas.
A viagem não requer explicações, apenas passageiros.
É aí que entram vocês.
É como se chegássemos ao planeta com uma caixa de lápis de cera.
Pode-se ganhar a caixa de 8, ou a de 16...
mas o segredo é o que você faz com eles e as cores que lhe foram dadas.
Não se preocupe em colorir somente dentro das linhas.
Pinte por fora das linhas e fora da página! Não queira me limitar! Nos movemos com o oceano.
Não estamos ancorados! Onde vai querer descer?

--------------------------------------------------

Acho que estamos perdendo as virtudes de vivermos apaixonadamente...
de assumirmos a responsabilidade por quem somos...
de tentarmos realizar algo e nos sentirmos bem em relação à vida.
O Existencialismo é, às vezes, visto como uma filosofia do desespero...
mas eu penso que ele é o contrário.
Sartre disse, certa vez, que nunca teve um dia de desespero em sua vida.
O que esses pensadores nos ensinam...
não é tanto uma sensação de angústia, mas sim uma...
exuberância de sensações [..]
Quando Sartre fala de responsabilidade, não é abstrato [..]
É algo concreto.
Somos nós, falando...
tomando decisões e assumindo as conseqüências.
Há seis bilhões de pessoas no mundo, é verdade.
No entanto, suas ações fazem diferença.
Fazem diferença em termos materiais e fazem diferença para outras pessoas.
Servem de exemplo.
A mensagem é: não devemos jamais nos eximir...
e nos vermos como vítimas de várias forças.
Quem nós somos é sempre uma decisão nossa.

--------------------------------------------------

a funcão da mídia não é a de eliminar os males do mundo.
Ela nos induz a aceitar esses males e a nos acostumarmos a viver com eles.
O sistema quer que sejamos observadores passivos [..] Eles não nos deram qualquer outra opção, à exceção do ato...
participativo ocasional e puramente simbólico do "voto" .
Você prefere o fantoche da direita ou o fantoche da esquerda?

--------------------------------------------------

Não devemos nos submeter à desumanizacão! Me preocupa o que está acontecendo neste mundo.
Me preocupa a estrutura, os sistemas de controle.
Os que controlam a minha vida e os que querem controlá-la ainda mais.
Eu quero liberdade! E é isso que você devia querer!
Cabe a cada um de nós deixar de lado a ganância, o ódio, a inveja...
as inseguranças, seu modo de controle.
Nos sentimos patéticos, pequenos...
e abrimos mão, voluntariamente, da soberania, da liberdade e do destino.
Precisamos nos conscientizar de que somos condicionados em massa.
[..] A resistência não é fútil! Nós venceremos!
A humanidade é boa demais.
Não somos fracassados! Nos ergueremos e seremos humanos!
Nos empolgaremos com coisas reais!
A criatividade e o espírito humano dinâmico que recusa-se a submeter-se!
Bem, isso é tudo o que tenho a dizer.
Está nas suas mãos.

--------------------------------------------------

Existem dois tipos de sofredores...
aqueles que sofrem da falta de vida...
e os que sofrem da abundância excessiva da vida.

--------------------------------------------------

Ora, os gregos, há 3.000 anos, eram tão avançados quanto somos hoje.
Quais são as barreiras que impedem as pessoas...
de alcançarem, minimamente, o seu verdadeiro potencial?
A resposta a isso pode ser encontrada em outra pergunta, que é...
qual é a característica humana mais universal? O medo...
ou a preguiça?

--------------------------------------------------

O segredo é combinarmos as habilidades racionais da vida desperta...
com as possibilidades infinitas de nossos sonhos.
Se soubermos fazê-Io, poderemos fazer qualquer coisa.

--------------------------------------------------

A caminho de descobrir o que amamos, achamos o que bloqueia nosso desejo.
[..] O conforto jamais será confortável.
Um questionamento sistemático da felicidade.
[..] Se há fogo, levaremos gás.
Interrompa a experiência cotidiana e as expectativas que ela traz.
Viva como se tudo dependesse de suas acões.
Rompa o feitiço da sociedade de consumo...
para que nossos desejos reprimidos possam se manifestar.
Demonstre o que a vida é e o que ela poderia ser.

--------------------------------------------------

Ei! Você é um sonhador? Sou.
Não tenho visto muitos ultimamente.
As coisas andam difíceis para os sonhadores.
Dizem que o ato de sonhar está morto.
Ninguém mais sonha.
Não está morto.
Foi apenas esquecido.
Removido da nossa linguagem.
Ninguém ensina, então ninguém sabe que existe.
O sonhador é banido à obscuridade.
Estou tentando mudar isso.
Espero que você também esteja...
sonhando todos os dias.
Sonhando com nossas mãos e mentes.
Nosso planeta está diante dos maiores problemas que já enfrentou.
Não se entedie.
Esta é a época mais fascinante em que poderíamos esperar viver.
E está apenas começando.

--------------------------------------------------

Está comecando a encontrar respostas.
Embora difícil, as recompensas serão ótimas.
Exercite plenamente a sua mente, sabendo ser apenas um exercício.
Construa artefatos, resolva problemas, explore os segredos do universo.
Usufrua de todos os seus sentidos.
Sinta alegria, pesar, riso, empatia.
Leve a memória em sua bagagem.

--------------------------------------------------

eu não quero ser uma formiga.
Passamos pela vida esbarrando uns nos outros...
sempre no piloto automático, como formigas...
não sendo solicitados a fazer nada de verdadeiramente humano.
Pare.
Siga.
Ande aqui.
Dirija ali.
Acões voltadas apenas à sobrevivência.
Toda comunicação servindo para manter ativa a colônia de formigas...
de um modo eficiente e civilizado.
"O seu troco." "Papel ou plástico?"
"Crédito ou débito?" "Aceita ketchup?"
Não quero um canudo.
Quero momentos humanos verdadeiros.
Quero ver você.
Quero que você me veja.
Não quero abrir mão disso.
Não quero ser uma formiga, entende?

--------------------------------------------------

eu tinha participado disso.
Foi uma dádiva.
A vida girava ao meu redor e cada momento era mágico.
Eu amava todas as pessoas, lidando com tantos impulsos contraditórios.
Era isso que eu mais amava, me ligar às pessoas.
Em retrospecto, era só isso que importava realmente.

--------------------------------------------------

só existe um instante, que é agora.
E é a eternidade.
[..] E é nele que estamos sempre

--------------------------------------------------

E como todos sabemos, diversão é o que manda.

--------------------------------------------------



Gostou? Compartilhe:
TwitterStumbleupondel.icio.us

5 comentários:

gibara disse...

Esse é, SEM DÚVIDA, o filme mais nonsense que eu já assisti. Mas ele é TÃO nonsense que eu nem sei dizer se gosto ou não dele, hehehe.

abraço

Babi disse...

É a Julie Delpy??? Eu adoooro ela!

Vou baixar!

Beijo.

Thiago disse...

hahaha...sabia que você iria curtir....só que eu falei para você me chamar para eu ver outra vez...VIADO...

pois é...não é a toa que vi esse filme umas 5x ou mais...é muito bacana :D

Grande abraço futuro companheiro de estradas Nicholas

qualiblog disse...

Brigadão pela visita Nicholas!
O e-book sobre fluxogramas de processo é o primeiro, até o fim do ano vou preparar mais um!

Grande abraço!

Thiago disse...

Cara..como esse filme é foda...eu curto DEMAIS....

Blog Widget by LinkWithin