6.12.08

A Revolução não será Televisionada

falei aqui antes do EXCELENTE post:

Agora ele publicou lá no WebInsider e rolou uns comentários bem interessantes...



ou assista o vídeo dele falando sobre o post no Descolagem:


http://videolog.uol.com.br/video.php?id=391488


Achei interessantes os comentários abaixo, pois mostram o "outro lado" que também precisamos estar cientes...

"que revolução vc acha que tá vivendo? é tudo ilusão isso meu caro..

destruindo monopólios? só se for em detrimento de outros maiores.

essa sua revolução é orquestrada pelo status quo. só "parece" revolução pra vc se sentir um astro ou o que quer que seja. se sentir importante. se sentir (rsrsrs) guerrilheiro (rsrsrs). mas é tudo armadinho pra vc realmente não empreender revolução alguma.

não percebes que o que está mudando são só as interfaces do sistema? que a raiz em sí continua a mesma? que o lucro ainda é mais importante q o bem estar das pessoas? que o meio ambiente? que a verdadeira essencia do ser humano?

eu, vc, nós podemos muito mais que isso. podemos ser muito mais que “guerrilheiros”.

nossa força é ifinitamente maior que um twitter… ou que o disco do radiohead… flash mob e afins…

e mesmo que eu esteja errado. essa sua revolução só acontece pra quem tem $$$ meu caro. é só pra elite. quem conhece a realidade por ai sabe. quem dá aula lá na periferia sabe o que pega desse outro lado. lá não tem iphone, gmail, xixi minha nêga.

[..] tente de verdade enxergar por trás dessa cortina de fumaça… de todas essas diversões que colocam no nosso caminho, e busque algo que realmente tenha valor.
mas se vc não consegue ver através disso… meus pêsames"

(comentário irônico, mas levanta uma questão interessante)

"Baixo músicas e jogos na Mula, passo a vida em cima do meu PC, meu pai me deu um IPhone e no natal vou ganhar um PLAYSTATION 3! Tenho weblog, flickr, twitter, MSN/GTalk e perfil no Facebook (porque o Orkut só era bom no começo!). Vivo combinando INTERVENÇÕES pra hora do “recreio” via SMS, TODO MUNDO JUNTO, MÓR LEGAL!

Faço videozinhos com meus amigos em meu celular e coloco no Utube. Mato aula pra jogar CS com os “camarada” na LAN perto do colégio e, quando meu pai viaja aos fins de semana, aproveito para pegar o carro dele e dar uma voltas atrás das “mina do MSN”. Tenho dificuldade com os caminhos, mas tudo se resolve quando pego os mapas de rua no Google.

Pra relaxar, toda tarde vejo Malhação em formato DIGITAL!

Poxa, minha mãe vai ficar super orgulhosa de saber que também sou REVOLUCIONÁRIO!"


Discutir se é ou não uma Revolução é BABAQUICE. O que importa é que a Internet é um meio sem precedentes para troca e acúmulo de idéias, e isso é FATO.

É obrigação de profissionais e internautas, utilizar TODO esse potencial... não somente para ações comerciais, mas também sociais.

Iniciativas como Wikipedia e Linux onde milhões de pessoas colaboram voluntariamente para um bem comum PROVAM que é possível MUITA COISA.

Precisamos superar os vários obstáculos e usar a Internet (e qualquer outro meio) para expandir a consciência das pessoas e de nós mesmos... e tornar o mundo um lugar mais justo, mais livre, mais humano
.


Vídeo da EXCELENTE música "The Revolution Will Not Be Televised" (Gil Scott-Heron):

O Marco fez referência a essa música e achei MUITO BOA! Gil Scott-Heron é considerado um dos fundadores do rap.

Gil Scott-Heron

Foi lançada em 1970 como crítica ao controle e superficialidade dos meios de comunicação, ao racismo, ao consumismo e à indiferença das pessoas frente aos problemas sociais.


http://www.youtube.com/watch?v=uTCQSk2l8bc


Como não achei tradução, tentei por mim mesmo... se acharem algum erro é só avisar! ;)

Letra traduzida:

Você não poderá ficar em casa, irmão.
Você não poderá conectar, ligar e deixar lá.

Você não poderá perder a si mesmo em heroína
e sair pra pegar uma cerveja durante os comerciais,
porque a revolução não será televisionada.

A revolução não será televisionada.
A revolução não será trazida a você pela Xerox
em 4 partes, sem interrupções comerciais.

A revolução não irá lhe mostrar fotos de Nixon
tocando um trompete e liderada por John Mitchell,
General Abrams e Spiro Agnew para comer
as tripas de porcos confiscados de um santuário do Harlem.

A revolução não será televisionada.
A revolução não será trazida a você pelo
Teatro Schaefer Award e não será estrelada por
Natalie Woods e Steve McQueen ou Bullwinkle e Julia.
A revolução não dará a sua boca um apelo sexual.
A revolução não vai te livrar dos caroços.
A revolução não vai fazer você parecer mais magro com cinco libras,
porque a revolução não será televisionada, irmão.


Não haverá nenhuma foto de você e Willie May
empurrando aquele carrinho de compras numa corrida de vida-ou-morte,
ou tentando ajeitar aquela televisão colorida dentro de uma ambulância roubada.
NBC não vai poder prever o vencedor em 8:32 ou relatórios de 29 distritos.
A revolução não será televisionada.

Não haverá fotos de porcos atirando em seus irmãos no replay.
Não haverá fotos de porcos atirando em seus irmãos no replay.
Não haverá nenhuma foto de Whitney Young
saindo de Harlem em algum trilho com um novo processo.
Não haverá "câmera lenta" ou "natureza-morta" de
Roy Wilkens passeando pela cidade de Watts em um Vermelho, Preto e
Verde macacão da libertação que ele esteve guardando
Só para a ocasião apropriada.

Green Acres, The Beverly Hillbillies, e Hooterville Junction
não serão tão relevantes,
as mulheres não vão se importar se Dick finalmente dá atenção à
Jane em Search for Tomorrow porque os negros
estarão na rua à procura de um dia mais brilhante.
A revolução não será televisionada.

Não haverá nenhum destaque no jornal das onze horas
e nem fotos de mulheres peludas armadas libertadoras
e Jackie Onassis espirrando com seu nariz.
A música tema não será escrita por Jim Webb,
Francis Scott Key, nem cantada por Glen Campbell, Tom Jones,
Johnny Cash, Englebert Humperdink, ou the Rare Earth.
A revolução não será televisionada.

A revolução não estará logo atrás
após uma mensagem sobre um tornado branco, iluminação branca, ou de pessoas brancas.
Você não precisa se preocupar com uma pomba na seu quarto, um tigre no seu tanque, ou um gigante na sua privada.
A revolução não vai melhor com Coca-cola.
A revolução não vai lutar contra os germes que podem causar mau hálito.
A revolução vai colocá-lo no lugar do condutor.

A revolução não será televisionada, não será televisionada,
não será televisionada, não será televisionada.
A revolução não será re-transmitida irmãos;
A revolução será ao vivo.


E por fim,

1 IMAGEM vale mais que 1.000 PALAVRAS!



Time Magazine - Personalidade do Ano 2006 - Você

Capa polêmica da Revista Time
Personalidade do ano de 2006: VOCÊ.




Gostou? Compartilhe:
TwitterStumbleupondel.icio.us

2 comentários:

Marco Gomes disse...

Parabéns, excelente post :)

Marco Gomes disse...

Sua tradução ficou muito boa, assim como todo o conteúdo que você "juntou" pra criar o post, realmente os argumentos "anti-revolução" merecem ser ouvidos, mas eu não concordo com eles, o mundo mudou e nós, pessoas comuns, temos um poder nunca antes visto na história.

Blog Widget by LinkWithin