16.9.10

Carl e Ellie, Filme UP Disney/Pixar - Melhor História de Amor do Cinema!

Filme Up - Carl e Ellie
Minha amiga Daniele tava me lembrando desse casal do filme UP outro dia. Considero a melhor história de amor do cinema. É um dos meus filmes favoritos, sem dúvida!

Você assistiu? Lembra das cenas abaixo? =)

Carl e Ellie - Infância, se conhecendo - ENGRAÇADO! - 3min
as falas tão em inglês, mas dá para entender a cena ;)


http://www.youtube.com/watch?v=pP02uVgjdn4

Carl e Ellie - Vida de Casados - MUITO LEGAL! - 4min


http://www.youtube.com/watch?v=GroDErHIM_0

Carl SEM a Ellie - Começando uma Nova Aventura - 3min


http://www.youtube.com/watch?v=wsG2S_1PRnk


"A Vida ou é uma Desafiante Aventura
ou não é nada"



Tenham um ÓTIMO FINAL DE SEMANA! Aproveitem! ;)


Filme Up - Disney - Pixar



Gostou? Compartilhe:
TwitterStumbleupondel.icio.us

5 comentários:

Juliana Migliorati disse...

Nicholas muito lindo msm, meu filme preferido!
Sabe vou dividir um segredo com vc eu busco um amor desses feliz e completo haaaaaaa...
beijos

Thatiana Carvalho disse...

Eu assisti, assisti!!! :D
E quero um amor tb... um amor feliz e sem desespero! Pronto, falei! :)

Júh Costa disse...

Nick..esse filme é uma divertida lição de vida..sou fã tb!E o amor desses dois é encantador!bjo e seu blog esta cada dia mais perfeito!

Mariah disse...

Olá tudo bem? Não sumi não, apenas minha vida deu uma reviravolta rsrsrsr...

Continuo te acompanhando, passando neste cantinho que adoro rápido demais...

Mas hoje não resisti em demorar um pouquinho...

Conheço um amor assim....

Abraços
Mariah

Canteiro Pessoal disse...

É caro Nicholas Gimenes, diversas sensações os vídeos promovem, conduz à reflexão de que neste contexto-vida: 'é um tal milagre encontrar, nesse infinito labirinto de desenganos amorosos, o ser verdadeiramente amado...', e quando se encontra, nos olhos se perdura: - És tu meu lar!

O filme e livro que aprecio, aborda esta temática, na íntegra fui fisgada, pois fora fixado o descrente: Diário de uma paixão. À percepção de que me projetei para não amar e no ficar sozinha.


Priscila Cáliga

Blog Widget by LinkWithin