24.3.11

HORA DO PLANETA: Enganando Quem?

Não tenho dúvidas sobre a gravidade da crise climática e da falta de recursos.

Mas apagar a luz por 1 hora e achar que isso muda alguma coisa, sentir-se bem com o "dever cumprido" e depois tudo continuar na mesma - é algo além da minha compreensão.

Para a hora do planeta, pergunte-se:
  • Tá ajudando em algo?
  • Para quê isso então?
  • Tá enganando quem?
  • Não tem nada melhor para fazer?
  • Que tal ler mais, se informar mais, mudar hábitos ruins, tomar alguma iniciativa útil no seu trabalho, na sua casa?

Isso, é claro, se você estiver REALMENTE bem-intencionado...

Veja os posts:

Hora do Planeta ou da Hipocrisia?

Hora do Planeta: Apagando a Culpa?




Gostou? Compartilhe:
TwitterStumbleupondel.icio.us

5 comentários:

Vinicius disse...

Pô, nem um ativista de sofá posso ser mais :P

Anônimo disse...

Eu ajudo mais nao trocando de celular a cada 3 meses.

Natalie S. Dowsley disse...

ôôô, Nicholas! :)
Não penso tão radical assim...
Procuro fazer minha parte: reciclo o lixo em casa e no trabalho, levo squeeze pro trabalho para não usar copos descartáveis, uso borrão, imprimo o mínimo possível, economizo energia... enfim!, procuro fazer o que posso; mas,mesmo assim, acho super válido a "Hora do Planeta". É uma forma de chamar a atenção para os desafios do mundo em relação às "questões ambientais" de maneira geral, possibilitando mais adesões às atitudes sustentáveis cotidianas.
Será que sou eu que sou "romântica demais" ou você é que está "duro demais"?! Risos.
Beijo grande! :)

Natalie S. Dowsley disse...

p.s.: Vinicius: kkkkkkk!!! "ativista de sofá" foi uma simples e boa definição crítica. Não me contive em comentar seu comentário. :)

Jocemar disse...

Ola Nicholas,interessante seu ponto de vista,até concordo em alguns aspectos,até fiz um post no meu blog a respeito disso...
abraço,continue assim,ganhou mais um leitor

Blog Widget by LinkWithin